Busca no site 
 NOTÍCIAS
 
“Maternidade: espera e controle” será a próxima palestra do ciclo de reflexão “O Feminino e a Saúde”
 


Dando continuidade ao ciclo de reflexão “O Feminino e a Saúde”, a palestra “Maternidade: espera e controle” será realizada pelo Conselho Regional de Psicologia – Minas Gerais (CRP-MG), por meio do Grupo de Trabalho do Feminino, na quarta-feira, 26/10, às 19h. A atividade é gratuita e aberta ao público.


A Dra. Gisele Rocha Corrêa ministrará a palestra no no Auditório Ruy Flores, situado na sede do Conselho (Rua Timbiras, 1532, 6º andar. Lourdes - Belo Horizonte).

A médica Gisele Rocha Corrêa é especialista em Ginecologia e Obstetrícia e Homeopatia. Atua, ainda, como gerente de Ginecologia e Obstetrícia da Fundação Hospitalar do Estado de Minas Gerais (Maternidade Odete Valadares).

Segundo a médica, a gestação humana e o parto são processos naturais que sofrem influência das crenças e culturas. É um fenômeno biopsicossocial. Para ela, a sociedade ocidental demonstra a ilusão do controle do tempo e das situações adversas que acompanham a gravidez, o parto e as virtudes dos conceptos.

Gisele apresenta as seguintes perguntas: “Quais garantias de resultados os médicos podem dar? O que a gestante pode fazer para reduzir os riscos?” A ginecologista afirma que, apesar de toda a tecnologia, engravidar e parir continuam a ser um "pacote fechado " em que não há controle de quem, como, onde, ou quando virá.

Publicado em 06/10/2011